Os 5 gastos mais úteis do ano de 2020

Para continuar com a tradição que comecei no ano passado com o post “As 5 compras mais úteis do ano de 2019“, fiz a lista dos meus 5 gastos mais úteis do ano de 2020:

  • Table Grill
  • Airfryer
  • Tatame de E.V.A.
  • Mochila da Xiaomi
  • Sessões de fonoaudiólogo

Os 3 primeiros itens, talvez se não fosse pela pandemia, eu nem teria tido interesse, mas depois de 9 meses em casa, foram as compras que mais valeram a pena:

Table Grill

Churrasco1

Em junho, publiquei um post detalhando sobre a Table Grill, uma churrasqueira portátil que usa carvão. Passados 7 meses, posso dizer que essa churrasqueira é simplesmente maravilhosa, diversão garantida aqui em casa.

Airfryer

mktplace-turbo-fryer-01--2-

Eu relutei muito em comprar uma airfryer (fritadeira elétrica), porque era mais uma coisa para ocupar espaço em casa. Mas nessa pandemia, me rendi. Eu passava muito tempo na cozinha e isso já estava começando a me incomodar.

Aproveitei a Black Friday e comprei o modelo Turbofryer, da Philips Walita. Não foi barato, mas já que é pra comprar, quis comprar um que realmente fosse bom. Estou usando há algumas semanas, e estou aproveitando bastante. Ela é bem versátil e consigo fazer várias receitas sem sujar o fogão, muito boa mesmo.

Tatame de E.V.A.

Diferença entre tatame, tapete e colchonete em EVA | AMS

Esse item eu comprei por conta das crianças. Minhas filhas (assim como nós), passam praticamente 24 horas do dia em casa desde a pandemia. Duas crianças trancadas em casa, querendo fazer coisas de crianças é algo desesperador em relação a barulho (escrevi um post quando estava com 1 mês de quarentena… imagina a minha situação depois de tantos meses em isolamento). Como o vizinho de baixo é um aposentado, ele também fica em casa o dia todo, ou seja, ouvir o barulho estrondoso das minhas filhas não deve ser algo fácil de tolerar.

Colocamos feltros anti-ruído em todas os pés das cadeiras, mesa, sofá, cama, tudo para evitar barulho desnecessário. Mas eu ainda achava que não era o suficiente.

A compra mais acertada em relação a esse assunto, com certeza foi o tatame de E.V.A. Não comprei aqueles tatames infantis (que eu já tive por sinal e não adiantou para muita coisa). Comprei tatames que academias de jiu-jítsu e muay thai utilizam para amortecer a queda dos lutadores. Que ma-ra-vi-lho-so!!! Eu devia ter comprado isso há mais tempo. Forrei o espaço entre o rack e o sofá, onde elas costumam brincar de casinha (cada tatame mede 1m x 1m, então comprei 3). Agora as panelinhas que antes batiam no chão, são amortecidas com o tatame. Elas pulam, dão cambalhotas e não ouço nenhum ruído.

Mochila da Xiaomi

Captura de Tela 2020-12-05 às 17.59.46

A leveza da mochila da Xiaomi foi algo que me surpreendeu. Eu comprei antes da pandemia, bem no início do ano, e fiquei impressionada de como era leve, compacta, e bem feita. Cabe muita coisa (capacidade de 10 litros), era algo que usava muito quando ainda saía de casa.

Sessões de fonoaudiólogo

Eu outubro desse ano, minha filha caçula que tem gagueira, começou com as sessões semanais de fonoaudiólogo. Já nas primeiras sessões, percebi uma melhora na fala. Claro que ainda tem um loooongo caminho que terá que ser percorrido, principalmente, porque ela gagueja muito, dificultando inclusive no entendimento de frases simples. Por isso, eu nem considero isso como gasto, e sim como investimento na qualidade de vida dela. Posso economizar em qualquer outra coisa, menos nessas sessões.

E você? Quais foram as compras mais úteis do ano de 2020?

~ Yuka ~

30 Comments on “Os 5 gastos mais úteis do ano de 2020”

  1. Bom dia, eu também comprei uma Airfryer e um forno elétrico, pois notei que estava passando muito tempo na cozinha, foram duas compras que valeram muito a pena, fiz até bife na AIRFRYER , apetitoso , sem sujeira, perfeito, uma ótima semana para vc e sua família linda!!!bjssss

    Curtir

    • Oi Lindadrika, eu também faço bife na Airfryer, almôndegas, asinhas de frango, batata “frita”, kibe assado, gratinados, muito bom, principalmente, porque faz pouquíssima sujeira. Além da rapidez, ficou muito mais fácil manter a cozinha limpa. Deveria ter comprado antes rsrs. Beijos.

      Curtir

  2. Eu tenho uma Airfryer e amo demais. A minha é da Mondial, firme e forte há 5 anos. Recomendo este blog (muitas receitas de panela elétrica): https://fritadeirasemoleo.blogspot.com/?m=1

    Comprei algumas coisas este ano também por causa da pandemia. As mais úteis foram:

    – Livros do Paulo Rezzutti (amo história, ele tem um canal no YouTube);
    – Roupas (primeira vez que comprei online, algumas deram certo e outras nem tanto);
    – Fôrmas para quiche (aprendi a fazer uma deliciosa de camarão);
    Batedeira portátil;
    – Miracurl (o babyliss portatil. Quero poder fazer cabelo sozinha. Já odiava salão e com a pandemia só vou quando realmente preciso cortar o cabelo, que é crespo).

    Curtir

    • Oi Carol, airfryer já existe há pelo menos 5 anos? rsrs, o tempo passa rápido mesmo. Obrigada pela dica do blog, já dei uma olhada e adorei, vou testar várias! Nham nham nham!!!

      Curtir

  3. Oi Yuka! Tão legal esse post, afinal minimalistas também compram né?

    Vou te contar minhas melhores aquisições desse ano:

    1 – Purificador/Umidificador de Ar da Sharp. Custa uns ¥15.000 na promoção. Não é barato. Mas praticamente é recorde de vendas com japoneses e pra quem tem criança (quase item obrigatório de enxoval!). Com o inverno chegando, acabei me rendendo. Yuka, é surreal! Antes eu acordava todo dia com garganta raspando e nariz escorrendo mesmo fora do inverno. Vivia levando minha filha no otorrino pra fazer limpeza do nariz. Deixo ele ligado apenas durante a noite no nosso quarto. Ele trabalha matando alguns vírus/bactérias do ar e também tem a função de manter o ar úmido. É ótimo pra quem tem rinite e alergias. E é bem enonomico também!

    2 – Kit de 4 panelas T-FAL. Além de panelas elas se transformam em assadeiras, pois o cabo é removível. E também em potes, já que vem a tampa plástica pra você poder guardar na geladeira. No total são 4 panelas (2 pequenas fundas, 1 rasa maior e 1 frigideira grande) + 4 tampas para as panelas fundas (2 de plástico e 2 de vidro) + 1 cabo removível. Acabei comprando um cabo extra avulso. Cozinhar tá sendo maravilhoso, não precisa nem colocar óleo/azeite!

    3 – Panela de pressão T-FAL. Também não é um item barato, mas a nossa panela estava bem ruim, o pino estava quebrado, vazava direto, era pequena pra nossa necessidade. Agora tem feijão novo sempre! Antes dava tanto estresse e trabalho que a gente preferia nem comer certos alimentos só de pensar na fadiga de cozinhar.

    4 – Árvore de Natal fora de época. Comprei a minha em abril por ¥1.200 (tem 1,80 de altura). Uma árvore dessa no final do ano chega a custar ¥10.000 ienes. Em 7 anos de Japão, nunca fiz questão de decorar a casa. Mas agora com as meninas decidi criar tradições. Comecei comprando minha árvore e enfeites em abril. Todo mês comprava algo. Daí chegou novembro, eu já tinha tudo! Não precisei encarar os preços de fim de ano. Não exagerei nos enfeites, pois quero enfeites artesanais, criado pelas meninas, coisas que contam nossa história. Mandei fazer alguns enfeites personalizados em madeira e fiz bolinhas com fotos nossas pra esse ano! Ficou tão fofo! Me senti muito realizada. Fiz um vídeo time-lapse montando a árvore com o marido e a Tetê.

    5 – Ensaio fotográfico de gestante (com todas as medidas de segurança e higiene obrigatórias nessa pandemia). Sempre achei besteira, um gasto desnecessário. Mas me arrependi de não ter feito da Maitê. Sei lá, a gente não fica grávida todo dia né? Aí nessa gravidez, assim que descobri já fui juntando dinheiro. Fiz tudo que tinha direito: ensaio externo, ensaio no estúdio, milkbath. Fiz de lingerie, de vestidão, de roupa normal… Passei meses escolhendo os looks meus e da família, cenários, confeccionei uma tiara de flores combinando pra mim e Tetê usarmos na sessão milkbath (aquela na banheira com flores sabe?). Me senti tão feliz nesse dia. Fotografia é um dos melhores investimentos da vida, na minha opinião. Ficou tudo tão nossa cara. E como não pretendemos ter mais filhos, achamos que foi um ótimo jeito de nos despedir da gravidez.

    Agora 5 coisas que comprei pra mim (uso pessoal) e achei que valeu a pena cada centavinho:

    1 – Legging de gestante. Comprei 2 e vou fazendo rodízio. Praticamente meu uniforme, uso desde o início da gravidez até hoje! Achava besteira, mas como é confortável usar roupa adequada pra situação. Antes eu fazia aquelas gambiarras nas minhas calças e machucava a barriga quando sentava ou soltava/quebrava…

    2 – Fones de ouvido sem fio da JBL (foi meu presente de aniversário dado pelo marido, na verdade). Agora ouço podcasts e músicas enquanto cozinho. Boto só um dos lados pra poder ficar atenta com a bebê. Mas não preciso me preocupar com fios. A JBL me surpreendeu na qualidade e preço (custou ¥6.000 sendo que um AirPods tá na faixa dos ¥20.000 ou mais). Ele também encaixa bem no meu ouvido que é menor que o normal e raramente se dá bem com fones. Sempre escorregava! E fones headset costumam me incomodar. Muito grande!

    3 – Casaco de inverno bom. Na black Friday, marido antecipou meu presente de natal. Na verdade a gente não costuma trocar presente de natal, mas ele sabia que eu precisava de um e deu a desculpa que queria me presentear. Eu estava namorando o ano todo um casaco da Zara que custava ¥10.000. Ele caiu pra ¥4.000. E valeu super a pena, só uso ele, combina com tudo, quentinho… Sou meio pé atrás pra comprar em fast fashion ultimamente, mas aqui no Japão tem sido difícil encontrar marcas slow fashion, com conceitos sustentáveis e conscientes. Quando encontro, é bem fora da minha realidade ($$$).

    4 – Mala de viagem de qualidade com preço promocional. Em janeiro passei férias no Brasil. E eu não tinha malas pra viajar pq as que eu vim eram super velhas, baratinhas/material bem inferior e quebraram (descosturou, quebrou alça, rodinha, zíper… um caos!). Encontramos uma promoção boa no começo do ano e compramos 2 malas grandes e 2 de mão. As 4 sairam o preço cheio de 1 grande. Malas bem feitas, com boa costura, rodinhas 360, fáceis de empurrar… pra não passar mais perrengue em viagem! As vezes a gente só precisa guardar o dinheiro pra oportunidade certa!

    5 – Mochila kipling. Eu precisava de uma mochila pra carregar as coisas da bebê. Eu tive bolsa maternidade, mas não achei nada prática. Era um trambolhão pesado. Daí vendi e com o dinheiro encontrei uma kipling na promoção. Peguei azul marinho sem detalhes pra tanto eu, quanto o marido usar. Sempre ouvi falar da qualidade e leveza. Mas eu me surpreendi! Uso todo dia, viajei com ela pro Brasil, cabe a casa toda e não pesa nada! Já precisei despachar ela num voo, já tomou chuva, caiu várias vezes no chão e continua intacta! Sem rasgos, manchas, etc…

    Enfim, foi isso. Fazendo a lista agora pra você, me senti extremamente consumista! Mas acredito que minimalismo não se trata de quantidade e sim de acordo com a necessidade de cada um. Citei as marcas, pois a Tiemi antiga, jamais compraria essas coisas. A Tiemi antiga amava pagar bem baratinho e comprar vários dos mesmos! Já tive situações super constrangedoras (sapatilha que abriu o solado no meio da rua, roupa que descosturou inteira, panelas que desperdiçaram a comida todinha, etc…).

    Yuka, perdoe o textão. Mas como sempre, você me inspira!

    Curtir

    • Olá Yuka, bom dia!
      É transmissão de pensamento! Eu vinha agora há pouco do supermercado pensando que ia perguntar para você e para os demais leitores qual eram as marcas das air fryer que vocês têm. Estou pesquisando os preços e vi que realmente a da Phillips é bem mais cara, então queria saber se a diferença compensa o beneficio.
      Que bom que o tatame resolveu o problema do barulho. É uma preocupação a menos, eu sei bem o que é estar sempre alerta, se preocupando o tempo todo com o barulho.
      Esta mochila da xiami eu nao conheço. Eu uso há varios anos bolsa da kipling e adoro, Estou na 2a e ela é tudo que eu gosto em termos de bolsa. Média, discreta, dá para usar a tiracolo e até lavar. A primeira era mais esportiva, mas essa ultima é mais ajeitada, uso o tempo todo. Foi bem cara, mas aproveitei uma viagem e comprei por um pouco menos que pagaria aqui.
      Em 2020 compramos notebooks para trabalhar remoto, (eu nao quis usar o do meu trabalho), um monitor e roupas confortáveis para usar em casa principalmente.

      Um abraço, Daniela

      Curtir

      • Olá Daniela e Yuka.
        Realmente a Phillips wallita é a mais cara e, dizem, que é a melhor. Mas pode comprar sem susto a mondial (ela tem de vários tamanhos e custa 1/3 do preço, pelo menos). Ela é excelente também. Minha família toda tem dela. O único porém é que ela não vem com uma assadeira pequena dentro. Essa assadeira facilita para fazer algumas coisas, principalmente quando é uma quantidade pequena. Mas eu comprei essa assadeira avulsa. Tem em várias lojas na internet, inclusive no site da Polishop. E antes de comprar eu usava um refratário pequeno.
        Claudia

        Curtir

        • Verdade Claudia, vi vários vídeos de pessoas que possuem a Mondial, e ela é muito boa também. Só sei que eu deveria ter comprado essa airfryer antes, estou achando tão bommmmmm.

          Curtir

      • Oi, Daniela. Tenho uma air fryer da Britânia há 3 anos. Gosto bastante, mas achei que o antiaderente do cesto saiu muito rápido (mesmo lavando com a parte amarela da bucha). Já ouvi dizer que a mondial (que citaram aqui) é a segunda melhor. Minha sogra tinha uma igual a minha e agora comprou uma mondial. disse que o antiaderente é melhor e parece esquentar mais. Provavelmente será minha escolha quando a minha pifar.

        Curtir

      • Tenho a da philips há uns 6 anos. É boa, os alimentos ficam ótimos, mas os pontos negativos para mim são o tamanho e a falta do antiaderente. O trabalho pra limpar desanima. No começo desse ano comprei a mondial family. Perfeita! Mesma potencia da walita e com um antiaderente que não gruda nada e permanece como novo até hoje! E com a cesta maior, o que facilita para cozinhar para a família. Se hoje eu tivesse que escolher, ficaria com a mondial.

        Curtir

        • Oi Iva, sabe o que eu tenho feito? Eu retiro o excesso da gordura com papel toalha e depois deixo de molho até o dia seguinte e só lavo de manhã. Vi essa dica em algum vídeo do YouTube, achei interessante e facilitou muito. Essa mondial family não conhecia, realmente, como o cesto da airfryer é pequeno, muitas vezes preciso dividir em 2 ou 3 porções. Por enquanto, estou deixando em cima da minha pia da cozinha (que já é pequena), pois ainda não tive tempo de chamar o marceneiro para orçar um armário aqui na cozinha. Tanto que um dos motivos de ter comprado esse modelo da Turbofryer, é porque ela é mais compacta que a Airfryer tradicional, mas com o diferencial do tamanho interno ser o mesmo. Beijos.

          Curtir

          • Yuka, eu jogo água quente no cesto assim que termina o preparo. Facilita demais a lavagem, tira a gordura principalmente. E como ela está quente ainda não tem problema jogar água quente. Espero um pouquinho e lavo.

            Curtir

            • Oi Cláudia, vou seguir a sua dica, porque vou te falar, meu marido tem siricutico de deixar louça suja até o dia seguinte (eu consigo deixar de boa), mas deixava de molho pra amolecer, com medo de arrancar o teflon rsrs. Beijo.

              Curtir

              • O que eu vejo uma pessoa fazer para facilitar a limpeza é colocar entre o cesto e a base papel toalha (umas 4 folhas) e usa com o papel mesmo depois ela tira e praticamente está limpo ficando só o cesto mesmo pra limpar.

                Curtir

    • Oi Tiemi, “fazendo a lista agora pra você, me senti extremamente consumista” hahaha, eu entendo, mas é exatamente o que você escreveu logo depois “minimalismo não se trata de quantidade e sim de acordo com a necessidade de cada um”. É exatamente isso. Não é viver com menos, é viver COM as coisas que gostamos, por isso eu também ao longo de todos esses anos, comecei a comprar coisas de qualidades melhores, justamente porque duram mais tempo. A mochila kipling entra bem nesse exemplo, é caríssimo, mas é uma bolsa que realmente não desbota, não quebra, super leve, fácil de fazer a manutenção como lavar, limpar, dura muito tempo. Eu também comprei uma árvore de Natal!!! Eu até tinha uma árvore, mas na época que comprei, me empolguei e comprei uma que achei muito grande, depois me arrependi, achava grande demais. Eu consegui vender no início do ano, e depois comprei uma pequenininha para deixar em cima da mesa que fica do lado do sofá, fiquei muito feliz com a troca, porque é muito mais fácil de guardar rsrs. Beijos.

      Curtir

  4. Oi Yuka eu tambem fiz ótimas compras
    Q me ajuda muito no meu dia a dia e me traz conforto
    Sim nossos filhos são nosso bem maior
    Nossa prioridade fico muito feliz q sua filha está evoluindo nas sessões

    Curtir

    • Oi Maria, tudo bem? Agora estou torcendo para não comprar nada de eletroportáteis para o ano que vem. Essa pandemia mudou muito a minha rotina, não me arrependi de ter comprado nada dessas coisas que listei, mas não queria ter muitos objetos aqui em casa, já que a cozinha não é muito grande, né? Beijos.

      Curtir

  5. Muito obrigada a todos que responderam sobre a airfryer, vou ver o vídeo e olhar os modelos da Mondial com cuidado. Valeu pela ajuda!

    Abraço, Daniela

    Curtir

  6. Yuka, acho bem legal esse post porque traz essa reflexão pra gente. Pra mim o top 5 2020 é (não nessa ordem hehe):
    1. Mixer com batedor de claras: vendi a batedeira que usava pouco e o mixer simples e comprei um com batedor (pras eventuais claras em neve)
    2. Carteira com zíper: as 2 últimas que tive eram com botão de pressão e imã: nos 2 casos uma das partes do fecho saiu em questão de meses. Essa já tem quase um ano e está como nova.
    3. Colchão novo: o anterior era ortopédico, mas meu esposo não se acostumou. Pegamos um de molas, nem tão macio, nem tão rígido. Bom pra ambos
    4. Plantas: senti falta de um verde na quarentena. Comprei uma jiboia pra sala e cuidei das floreiras (mini horta) na janela.
    5. Arroz arbóreo: o risoto fica muito melhor hahahaha
    (Olha só, quando comecei nem achei que chegaria ao 5. Foi bom perceber que não comprei tanta coisa – não consigo lembrar de algo que me arrependi de comprar, diferente de outros anos).

    Em tempo: acho muito legal como aqui é um espaço que ainda ocorre essa interação. Nas redes sociais é quase sempre superficial. Aqui sempre tem gente que comenta coisas que agregam; eu sempre retorno durante a semana pra ler os comentários.

    Curtir

    • Oi Maju, essas listas de compras são bem legais mesmo. Sabe o que eu faço também? Toda virada do mês, dou uma olhada com bastante carinho na fatura do cartão de crédito, pra descobrir o que eu comprei de desnecessário. No momento da compra, por conta da euforia, eu não estava nem aí. Mas quando comecei a fazer isso, de olhar a fatura com esse olhar crítico, comecei a perceber quantas coisas desnecessárias eu comprava. E com isso, eu já começava o mês pensando em reduzir esses gastos. Depois de tantos anos fazendo isso, aprendi a comprar bem, e apesar de ainda cometer alguns deslizes, a quantidade de compras arrependidas diminuíram consideravelmente.

      Eu também acho esse espaço o máximo, adoro vocês que comentam rsrs. Beijos.

      Curtir

  7. Comprei um toca-discos usado, vinis, cd’s e livros!
    Nas poucas horas livres que tenho fico mergulhado em cultura e esqueço de toda chatice de trabalho, mundo e pessoas medíocres.

    Curtir

  8. Air Fryer é legal, eu não uso tanto pois como bastante comida comprada fora (moro sozinho e acho que sai mais barato), eu gostei da table grill, vou pesquisar e talvez comprar uma. Uma dica que euy dou e vale muito a pena é o Mixer !! eu uso muito para fazer sucos, omeletes e etc.

    Curtir

    • Oi Stifler, já cheguei a pensar nisso também, quem mora sozinho, dependendo das contas, pode sair mais barato comer fora, talvez fazer o básico em casa, arroz, feijão, e a mistura comprar em um restaurante por quilo. Elimina gastos com luz, gás, temperos variados, fora o desperdício. Já eu, se faço isso com minha família, vou à falência rsrs. Eu também tenho mixer, é maravilhoso, até aboli meu liquidificador. Beijos.

      Curtir

  9. Oi, Yuka! Acho que as compras que não me arrependo para nada são:

    1) Composteira. Antes quando morávamos no meu país, compostávamos no pátio, na terra e queria que as crianças não ficassem com nojo de bichinho como a maioria das crianças do prédio. Quando menores, eles pegavam todo bicho que entrava em casa e devolviam para a terra. Melhor compra até agora além de que eles curtem “dar de comer às minhocas” e eu estou aprendendo muito sobre compostar em mini apartamento.
    2) Caixas plásticas para organizar. Mesmo que a casa seja uma bagunça constante, na hora de guardar tudo fica mais fácil quando você sabe onde vai cada coisa.
    3) O kit da Principia de ácido hialurônico, peptídeos e ácido glicólico. O dermatologista me mandou umas marcas absurdamente caras até para a minha ideia de “comprar caro uma coisa mas boa vale a pena” e primeiro experimentei com uma farmácia de manipulação (não deu certo) e depois com a marca Principia. A minha rotina diária é inexistente e também a rotina de cuidados pessoais. A marca me deu a chance de me cuidar sem muito trabalho, foi bem em conta e até agora, quase um mês depois, não tenho reclamação!
    4) Ventiladores de mesa. Compramos muito barato numa promo da Leroy. Não dá para comprar um ar condicionado portátil ainda e desde que compramos, conseguimos abafar um pouco o barulho de fora e não ficar morrendo quando temos que fechar as janelas pelas pessoas sem bom senso que colocam o som do carro a todo volume as duas da manhã.
    5) Janela antibarulho. Essa foi cara, quase três salários meus mas guardei e guardei, paguei em dinheiro, pedi desconto e coloquei pois se vamos ficar no país por mais dois anos (entre pandemia e expectativa económica do meu país, foi isso que calculamos) não dá para continuar vivendo do jeito que estávamos. Agora precisamos ver como será o próximo ano para colocar no quarto das crianças e uma porta na cozinha pois temos festas por todas as janelas.

    Meu único sonho de consumo faz anos era uma fritadeira como a AirFrier mas sempre achava uma bobagem gastar nisso. Comprei de super oferta por 189 reais no Carrefour no final do ano passado. Não me arrependo nem um segundo.

    Curtir

    • Oi Bhuvana, sua lista é ótima! Quando vemos listas assim, faz valer a pena termos gasto o tempo que trabalhamos. Foi com essas listas que eu comecei a tomar consciência dos meus gastos e a parar de comprar bibelôs, bobeirinhas, bugigangas, para começar a gastar dinheiro em coisas que realmente importavam. Porque é isso, né, já que vamos gastar dinheiro, vamos gastar em coisas que realmente importam. Eu também estou adorando minha airfryer, muito boa mesmo, deveria ter comprado antes rsrs. Beijos.

      Curtir

  10. Olá, Yuka! Nossa, quanto tempo não passo aqui! Tinha até me esquecido como sua escrita é leve, ler seu conteúdo chega a desintoxicar a mente, haha

    Das compras que fiz esse ano, confesso que não teve muita coisa, justamente pela pandemia. Recentemente consegui trocar de celular. Estava há três anos com um modelo que há dois já me dava dor de cabeça. O atual é muito bom, a duração de bateria é ótima (pra quem precisava recarregar até três vezes por dia haha), e me atende bem!
    Comprei também um computador, de segunda mão, mas em excelentes condições. Infelizmente meu notebook, com mais de cinco anos de atividade, já não estava suportando mais, coitado. Passei grande parte do home office precisando usar o computador do meu irmão e a gente sabe que por mais gentil que fosse, ainda é um incômodo usar não só o aparelho dele, como ocupar o quarto, também.

    Agora, uma das compras que mais me fez feliz foi um curso online que eu estava super animada para fazer, mas não tinha tido meios até então de investir. A professora facilitou o pagamento e eu já comecei a consumir o conteúdo. Estou muito feliz! ♥️

    Espero que 2021 seja mais fácil para todos nós e que ele reserve para você e sua família muitos momentos de felicidade!

    Grande abraço!

    Curtir

    • Oi Natália, 5 anos de uso de celular, está parecendo eu rsrsr. Uma pena que o celular (e todas as outras coisas) vai se desatualizando e dando pequenos panes, porque se não fosse pela obsolescência programada, era capaz da gente ficar 10, 15 anos com o mesmo aparelho rsrsrs. Beijos!!!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: