19 pequenas atitudes para economizar na alimentação

supermercado

Se há alguns anos era possível fazer uma compra semanal por R$50,00, hoje esse valor não enche nem uma geladeira.

Para tentar manter a mesma quantidade e qualidade dos itens que compro, comecei a tomar algumas atitudes para não apertar tanto o orçamento:

1.) Eu basicamente faço 1 compra grande no início do mês. É quando reponho a minha despensa com farinha, açúcar, arroz, feijão… Para isso, eu comparo preços em 2 supermercados perto de casa. A diferença de preço às vezes é assustadora, já percebi que não há um padrão, às vezes o requeijão pode estar barato no mercado x, e na outra semana, o mesmo requeijão estar barato no mercado y. Como o supermercado é caminho para mim, eu entro, anoto os preços e já vou para o segundo. Compro tudo o que está mais barato, e na volta passo no outro supermercado para comprar o restante dos itens. Às vezes o produto pode custar até 100% mais caro como foi o caso da essência de baunilha. Em um custando R$4,50 e no outro inacreditáveis R$8,50.

2.) Para as compras semanais (verduras e frutas), eu prefiro ir na feira. Além de achar os produtos de melhor qualidade, consigo preço melhor.

3.) Antes de ir no supermercado ou feira, gosto de olhar o que tem na geladeira para não comprar coisas duplicadas.

4.) Compro legumes e frutas da estação. Além de estarem mais saborosas, o preço é mais atrativo.

5.) Meu marido recebe pelo e-mails as promoções da semana dos supermercados próximo de casa. Sempre conseguimos promoções que valem muito a pena.

6.) Quando há aquelas promoções imperdíveis, fazemos estoque de produtos como leite em caixa, sabonete, papel higiênico.

7.) Alguns supermercados mandam cupons pelo correio. Quando recebo, tomo cuidado para não passar da validade da promoção.

8.) Eu separo os lugares onde faço as compras: frutas e verduras na feira, carnes no açougue e o restante no supermercado.

9.) Compro somente o necessário para o consumo da semana para evitar desperdício.

10.) Tento jogar o mínimo de comida no lixo. Misturo talos de espinafre na massa da panqueca, sementes de tomate no molho de tomate, sementes de abóbora viram petiscos assados, uso quase tudo com casca (cenoura, batata, etc).

11.) Não ter preconceito das marcas próprias do supermercado. Perto de casa tem um supermercado Dia que eu vou com frequência. Sabia que o leite de coco do supermercado Dia é produzido pela Sococo? Que o “nutella” do Dia é produzido pela mesma empresa italiana Nutkao que produz para a marca francesa Casino? Que o chocolate amargo do Dia é importado da França? Que o chocolate em pó do Dia é melhor que o chocolate “do padre” da Nestlé (e o preço é 55% menor)? Pois é.

Chocolate em pó solúvel: Dia (R$5,00) vs Nestlé (R$13,80)

chocolate em pó

Leite de coco: Dia (R$3,00) vs Sococo (R$4,80)

leite de coco sococo

leite de coco Dia

Chocolate em barra: Dia (R$5,00) vs Casino (R$9,80)

chocolate Dia

chocolate Casino

Creme de avelã (nutella): Dia (R$7,00) vs Casino (R$16,00)

nutella casino

nutella dia

12.) Logo que saio do mercado, já confiro os preços na nota fiscal. Já peguei muitos preços principalmente da promoção, com preço sem desconto. Peço para estornar meu dinheiro. Por incrível que pareça, isso é muito-muito-muito recorrente. Outro dia comprei um iogurte por R$3,99, mas passou por R$6,50 no caixa, mais de 60% de diferença no preço.

13.) O freezer é o meu amigo (e o forno também rs). Se a fruta está amadurecendo rápido, faço um sorbet. Se percebo que não dou conta de comer todo o queijo e presunto, congelo para depois usar em algum outro prato. Eu ralo queijo e congelo. Aproveito para congelar o soro do iogurte para hidratar o feijão, guardo caldo de frango, peixe e carne para fazer ensopados. Quando compro temperos frescos como salsinha, cebolinha, alecrim e tomilho, eu já lavo, seco, pico e congelo. Assim não desperdiço nada.

14.) Reaproveito a receita de um prato para fazer novos pratos. Almôndegas vira recheio de panqueca. Molho branco vira recheio de batata assada.

15.) Levo marmita para o trabalho ao invés de comer na rua.

16.) A cada dia, me esforço para aprender a cozinhar mais… eu faço iogurte grego, minhas queridas granolas, meu amado pão, pretzels, os deliciosos cookies, esfiha, batata rosti, etc.

17.) Se faço pão, aproveito para usar todo o fermento biológico, e asso 2 pães de uma vez. Além de evitar que o fermento estrague, economizo no gás, já que asso os 2 de uma vez.

18.) Analiso o preço dos pacotes dos produtos usando como referências as gramas. Por exemplo: eu comprava caixa de chá preto de 25g que contém 15 saquinhos por R$4,50. Mas passei a comprar um pacote de chá preto de 300g que não vem em saquinhos por  R$5,50. Ou seja, antes eu pagava R$4,50 por 25g, hoje pago R$0,45.

19.) No fim do mês, tento cozinhar usando tudo o que tiver na geladeira, usando a criatividade. É uma forma de limpar a despensa e a geladeira.

Essas foram as dicas que eu uso aqui em casa. Espero que tenham gostado.

~ Yuka ~

Anúncios

36 comentários em “19 pequenas atitudes para economizar na alimentação

  1. Amei as dicas!

    Hoje pela manhã estava pensando no que fazer para cortar meus gastos com alimentação. E seu post veio na hora exata.

    Muito obrigada!😁😁

    Ettiane Pena

    ⚘🕆”At the cross”🕆⚘

    Curtir

    • Oi Ettiane, que bom que gostou. Eu estou conseguindo economizar um pouco usando essas dicas. Está tudo muito caro, principalmente alimentação, né? Beijos pra você.

      Curtir

  2. Como sempre excelentes ideias! Vc pode um dia fazer posts sobre receitas pra levar na marmita? Quero um dia poder levar de verdade (já levei em algumas oportunidades), mas hoje não vejo como dar conta de fazer comida em casa. Mas como vejo que vc tbm tem bastante afazeres, trabalha fora e mesmo assim consegue, gostaria de uns posts sobre o assunto. rs

    Curtir

    • Oi Michelle, obrigada, fico feliz que tenha gostado das dicas. Pode deixar que eu vou tentar escrever um post sobre esse assunto sim. Só preciso me organizar para tirar as fotos das minhas marmitas. Beijos!!!

      Curtir

      • Oi Yuka, vim ver esse post e queria saber se você já publicou o post sobre as marmitas, pois também me interesso, como a outra leitora que comentou aqui, rs. Tentei procurar e não achei. Você nos ajudou muito com esse post, como sempre! Eu adorei! Obrigada!

        Curtir

  3. É de lei já. Toda vez que me percebo aperreada com a correria do dia a dia, dou pulinho aqui no seu blog e a cada post, fico mais tranquila 🙂 Amo as dicas sobre casa, organização, minimalismo e sobre as coisas boas e simples da vida. Quando crescer, quero ser assim. Parabéns!

    Curtir

  4. Yuka querida ….adorei esse post, aliás adoro todos rs
    Faz post de receitas vou adorar….pães e pretzels hummmm rs
    Obrigada por mais essas dicas, eu também leio quem é o fabricante no Dia rs…
    Igual a geleia do dia é da Predileta eu costumo olhar os fabricantes a diferença de preço grita.

    Bjs

    Dri

    Curtir

    • Oi Dri, você viu que coisa maravilhosa essa dos produtos Dia? Nunca mais comprei leite de coco da Sococo, só a do Dia rsrs. A geleia acabo não comprando porque minha mãe faz pra mim. Uma delicia!!! Beijos.

      Curtir

  5. Eu também estava pensando esses dias em me comprometer a gastar menos com alimentação, evitando o desperdício! Aprendi com vc a congelar queijo, fatias de pão, lembra daquele postagem dos saquinhos ZIP,.uso essa dica para organizar o freezer!! Congelo TB molho de tomate quando compro e uso só um pouco, congelo milho em conserva quando abro uma lata e não uso inteiro, etc. O congelador TB é meu melhor amigo! Rsrs. Fiquei chocada com a comparacao dos produtos!!! Ficarei mais.atenta a isso!!! Bjsss!!!

    Curtir

    • Oi Débora, também fiquei chocada como os preços variam às vezes 100%, e também do leite de coco da Sococo.. agora só compro do Dia rsrs. Já vi também que o açúcar do Carrefour é o mesmo fabricante da Barra. Só muda a embalagem e o preço, o conteúdo deve ser o mesmo. Vou ver se atualizo um post sobre o freezer, tenho feito mais coisas pra otimizar o espaço para caber mais coisas rsrsrs. Beijos pra você.

      Curtir

  6. Olá, Yuka. Dicas excelentes! Não tenho nenhum preconceito com a marca do próprio mercado, mas reconheço que nunca tinha visto que, às vezes, ela é fabricada pela mesma empresa da original.

    Curtir

    • Pois é, Cláudia. Eu também nunca tinha reparado. Quando descobri, me espantei por ninguém que eu conheço ter comentado sobre isso antes. Agora tenho o costume de olhar para o rótulo das embalagens rsrs.

      Curtir

  7. Olá, Yuka.
    Gostei as dicas deste post, especialmente sobre estar atenta em verificar o cupom fiscal com os preços anotados. Comigo também já aconteceu essa diferençaem
    produto que estava em promoção no supermercado Dia. Questionei, pedi ressarcimento e recebi o valor de volta.
    Suas dicas, leveza e positivismo ajudam muita gente que vc não conhece e conhece também. Beijos. Akie.

    Curtir

    • Oie, pois é, antes eu até deixava quieto, mas quando eu percebi que esse erro era sempre para mais, nunca para menos, comecei a desconfiar se não era propositalmente… e é assim, eu falo e a moça do caixa me devolve a diferença sem questionar. Deve acontecer com muita frequência. Sobre o elogio, que isso, eu que tenho que agradecer por você ser minha amiga. Beijos.

      Curtir

  8. Oi Yuka! As dicas são ótimas. Muitos produtos de mercado são fabricados por grandes marcas. Eu aprendi isso uma vez lendo um rótulo de leite do carrefour, desde então, sempre procuro saber quem fez tal produto! Sobre os falsos preços em gôndolas, eu já tive essa “surpresa”, é muito mais comum do que podemos imaginar, pior que isso nem sempre acontece em mercados, está sujeiro a acontecer em vários estabelecimentos, como por exemplo, já aconteceu comigo em drogarias! Outra dica que devemos levar em conta é quando o caixa cobra em duplicata, então é bom conferir na hora, porque depois para provar que comprou apenas um objeto que foi cobrado duas vezes dá um trabalho! Isso também já aconteceu comigo!!! A parte do post que mais gostei foi quando você ensinou a não estragar os alimentos. Dói em meu coração jogar alimentos no lixo, é pior do que jogar dinheiro no lixo, pois tanta gente passa fome no mundo. Finalizando, só acho que depois desse post, os chocolates e leites de coco do DIA entrarão em falta!!! Boa semana!

    Curtir

    • Oi Fernanda, kkk sobre o leite de coco, é verdade, se essa moda pegar, não vai ter mais na prateleira rsrs. Pagar metade do preço pelo mesmo produto. Logo logo publico um novo post sobre como uso e abuso do freezer. Assim, aos poucos, a gente vai tomando consciência e aprendendo cada vez mais a aproveitar tudo dos alimentos sem desperdiçar. Um beijo pra você!

      Curtir

  9. Olá Yuka!!!! Ótimas dicas, fáceis de colocar em prática… Eu procuro comprar algo de boa qualidade e com preço acessível para minha família. Um grande abraço. Até mais….

    Curtir

    • Oi Tatiana, também estou fazendo isso, experimentando produtos novos, mas também permanecendo com outros que gosto da qualidade, enfim, tudo para manter as finanças em dia. Beijos.

      Curtir

  10. Oi Yuka, amei as dicas. Na minha cidade tem um mercado Dia, faz tempo que não vou lá, mas quero dar um pulinho pra aproveitar comprar com bom preço. Gostei também da dica de dar uma diminuida no que tem na geladeira mensalmente, fizemos isso mes passado, pois iriamos viajar uma semana e foi uma surpresa atras da outra dentro do freezer, rsrsrsr … eu gosto de fazer a compra maior depois do dia 24 do mes, acho que tem melhores ofertas. bjs

    Curtir

    • Oi Cristina, pois é, também encontro cada coisa no fundo da geladeira e do freezer rsrs. É uma ótima forma de não desperdiçar os alimentos que já estão na nossa despensa e geladeira. Sobre fazer as compras depois do dia 24, nunca me atentei ao preço, vou começar a prestar atenção. Tem lógica, geralmente é quando ninguém mais tem dinheiro rsrs. Beijos.

      Curtir

  11. Yuka,

    Me identifiquei com muitas das suas dicas.
    Antes de sair do supermercado, eu também verifico o ticket, para me certificar de que algo não foi cobrado de forma duplicada, com preço superior ou fora da promoção.
    Marcas próprias são boas, pois a qualidade é importante para que a marca da rede não saia manchada. Sempre reparo no fabricante, como você. E pacotes maiores, sempre que possível, pois compensam muito mais, exceto se eu for utilizar pouco o produto.
    Eu também utilizava chocolate em pó, mas depois que descobri o cacau em pó Mãe Terra, parei de usar. O chocolate em pó, por incrível que pareça tem muito açúcar e dependendo da marca, aromatizante e aroma artificial de baunilha. O cacau em pó é puro e uma caixinha com 100 gramas custa mais ou menos 7,00, mas para mim dura bastante, pois coloco metade do que a receita pede, já que ele é puro, então é mais concentrado. Vale a pena você experimentar.
    Sobre a baunilha, recentemente descobri que o que compramos é apenas um aroma 100% artificial (verifique nas embalagens), pois a baunilha de verdade é muito cara. Então, é algo que não faz mais parte da minha lista de compras. Pretendo futuramente comprar uma muda de baunilha para ter o produto real.
    Abraços,

    Curtir

  12. Yuka,
    Me identifiquei com muitas das suas dicas.
    Antes de sair do supermercado, eu também verifico o ticket, para me certificar de que algo não foi cobrado de forma duplicada, com preço superior ou fora da promoção.
    Marcas próprias são boas, pois a qualidade é importante para que a marca da rede não saia manchada. Sempre reparo no fabricante, como você. E pacotes maiores, sempre que possível, pois compensam muito mais, exceto se eu for utilizar pouco o produto.

    Curtido por 1 pessoa

  13. Eu também utilizava chocolate em pó, mas depois que descobri o cacau em pó Mãe Terra, parei de usar. O chocolate em pó, por incrível que pareça tem muito açúcar e dependendo da marca, aromatizante e aroma artificial de baunilha. O cacau em pó é puro e uma caixinha com 100 gramas custa mais ou menos 7,00, mas para mim dura bastante, pois coloco metade do que a receita pede, já que ele é puro, então é mais concentrado. Vale a pena você experimentar.
    Sobre a baunilha, recentemente descobri que o que compramos é apenas um aroma 100% artificial (verifique nas embalagens), pois a baunilha de verdade é muito cara. Então, é algo que não faz mais parte da minha lista de compras. Pretendo futuramente comprar uma muda de baunilha para ter o produto real.
    Abraços,

    Obs: postei em 2 partes, pois o WP não aceitou o comentário completo de uma só vez.

    Curtir

    • Olá, não conheço esse cacau em pó da Mãe Terra, a marca é bem conhecida, já compro açúcar mascavo desta marca. Na próxima vez que for ao supermercado, vou dar uma procurada. Talvez pra mim vai acabar saindo muito caro, porque geralmente uso umas 2 caixas por mês daqueles tradicionais que tem 200g. Eu também queria experimentar a fava da baunilha, deve ter um sabor incrível. Outro dia fui no Mercado Municipal e até dei uma xeretada no preço, não lembro o valor, mas lembro que achei bem caro rsrs. Beijos pra você.

      Curtir

      • Yuka,

        Eu não conheço fava de baunilha, vou pesquisar!
        O cacau Mãe Terra é bem forte, talvez com 2 caixa de 100 gramas cada desse cacau você consiga o mesmo efeito (ou até melhor) do que o das 400 gramas de chocolate em pó. Ele rende muito, acho que você vai gostar. Depois dele, para mim o chocolate em pó comum ficou bem sem graça….

        Abraços!

        Curtir

  14. Ótimas dicas! Já tenho economizado em algumas coisas em casa, mas alimentação é que tá me dando trabalho…
    Também vou ao supermercado Dia e já percebi que tô economizando mais (tenho aquele cartãozinho do clubdia hehe) e sem preconceitos com os produtos próprios da marca, o chocolate mesmo eu amo!

    Abraços!

    Curtir

    • Oi Aline, a alimentação está muito cara mesmo. Eu me surpreendo com o valor todas as vezes que estou no caixa do supermercado. Esse Dia tem me ajudado muito a economizar também, principalmente nos produtos básicos como farinha, óleo, açúcar, é muito mais barato do que os outros supermercados, né? Beijos.

      Curtir

  15. Oi Yuuka!
    Uma coisa que odeio, é que toda compra que eu faço no EXTRA, vem com preços errados, o produto tem preço menor na prateleira, e quando o passo no caixa tem outro valor. Como eu consigo decorar o valor de cada produto, inclusive os centavos (mesmo nas compras grandes do mês), então eu faço a mulher passar vagarosamente produto por produto, e sempre restam de 2 a 4 com preços bem diferentes, e exijo dela o referido desconto.
    Acho isso uma sacanagem grande, já liguei no PROCON e fiz diversas reclamações do EXTRA, o resultado é:
    eles começaram a colocar o valor economizado em cada produto no final da nota fiscal.
    Acho que valeu a pena ficar uns 5 anos reclamando em todas as compras e no PROCON…hahahahaha…
    Mas vira e mexe aparece uma sacanagem no caixa, eu paro tudo!!!

    Curtir

    • Oi Suh, no Pão de Açúcar, é a mesma coisa. Sempre vem com preço mais caro do que estava na etiqueta. O curioso é que essa confusão acontece sempre beneficiando o supermercado, nunca o cliente. Eu, por exemplo, nunca peguei um preço que estava mais baixo do que na etiqueta. Já o contrário, não preciso nem dizer que é praticamente em todas as compras que preciso pedir meu dinheiro de volta. Queria ter uma memória boa que nem a sua. Eu anoto os preços pra depois conferir na nota. Você está certinha em reclamar no PROCON, isso nunca me veio na cabeça, mas agora vou começar a fazer isso também. Beijos.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: