Como criar metas alcançáveis

checklist.jpg

Por sugestão de uma leitora (alô, Silvia!), resolvi adiantar o post de hoje.

Ela disse: “Traçar metas é um caminho para não esquecermos do que realmente importa, mas fala-se tanto de metas hoje em dia, mas ainda há quem não saiba criá-las, eu no caso! Uma boa dica para um próximo tema: metas: sua importância e como fazê-las.”

Eu me considero uma pessoa bastante organizada. Enquanto as pessoas dão importância ao “fazejamento”, ou seja, vai fazendo e planejando ao mesmo tempo, eu foco na fase do planejamento.

O problema do “fazejamento” é que a gente não consegue ter uma visão geral do que está por vir. As coisas vão acontecendo e a gente vai resolvendo os problemas conforme vão surgindo. É o típico apagar o incêndio, ao invés de preveni- lo. Gasta-se muito mais energia e tempo apagando o incêndio do que prevenindo. E é esse o ponto onde eu queria chegar.

Eu consigo fazer muitas coisas porque eu faço planejamento. É uma conexão direta. O planejamento traz clareza, foco e auxilia na definição de prioridades.

Tá. E você pode perguntar para mim: “E por onde começar?”

Sei que é difícil entender quando a gente fica no blá-blá-blá, então vou tentar explicar como as coisas funcionam para mim.

Tudo começa pela lista do “Um Dia, talvez” que eu deixo no meu celular. Essa lista é a matriz de tudo, é a lista-mãe. É de onde originam todas as outras listas. Eu coloco tudo, TUDO o que eu tenho vontade de fazer, de ler, de ouvir, de ir, etc. Não importa se é um restaurante que eu quero conhecer, um livro que eu quero ler, um sonho que um dia eu quero concretizar, lugares que quero visitar, coisas que quero comprar, hábitos que eu quero cultivar, etc. Não há regras. A única regra é: esvaziar a cabeça e sair listando tudo.

Um dia talvez

Esta lista é alimentada a todo momento. Se passo em frente de uma loja charmosa que quero voltar depois com meu marido, anoto nesta lista. Se surge a lembrança de que quando criança tinha vontade de correr em uma plantação de girassóis, anoto também nesta lista. Se tem um aplicativo de celular que quero testar, anoto na lista. Não há critério do que colocar, nem de duração, nem de orçamento, coisas fáceis, coisas difíceis de serem concretizadas, coisas caras ou baratas.

Todo dia eu olho para esta lista e vejo o que quero fazer. Alguns itens eu acabo apagando porque percebo que foi só uma empolgação do momento. Então “pesco” algumas tarefas (ou projetos, ou lugares, etc) que estou com mais vontade de fazer. Alguns dos itens são tarefas rápidas, como “comprar escorredor de pratos”. Outros, são projetos longos, como se “alimentar melhor”, “acessar menos notícias”.

E aqui vem o pulo do gato. Quando vou até a minha lista do Um dia, Talvez, eu não pego o item mais fácil de ser resolvido. Eu pego o item que estou com mais vontade de fazer, o que eu acho mais importante para o momento.

No ano passado, eu decidi que queria morar em uma casa com decoração escandinava. Não é uma coisa simples-pronto-já-fiz.

Então eu levei esse item “decoração escandinava” em um bloco de notas (no celular mesmo), e lá, tentei descrever TUDO o que eu achava que precisava ser feito para ter uma sala com decoração escandinava. Só que para eu poder descrever melhor, precisava pegar inspirações em algum lugar. Então a primeira tarefa foi:

  • pegar inspirações no Pinterest

Captura de Tela 2018-01-29 às 13.57.25.png

Captura de Tela 2018-01-29 às 13.59.10.png

Captura de Tela 2018-01-29 às 13.59.27.png

Depois de ter acesso a algumas fotos, surgiram outras demandas como:

  • almofadas
    • comprar tecido preto e rosa bebê na 25 de março
    • comprar enchimento de almofadas na 25 de março
    • separar zíper preto e rosa que tenho em casa
    • colocar tudo numa sacola e pedir para a mãe costurar
  • colocar 2 prateleiras brancas na lateral da mesa de jantar
    • medir o tamanho das prateleiras que preciso
      • 1 prateleira: medida 19 x 60cm para colocar fruteira
      • 1 prateleira: medida 10 x 60cm para colocar quadros
      • encomendar no marceneiro do bairro
      • instalar prateleira com furadeira
  • mesa de centro pequena
    • ver se o espaço que tenho na sala comporta uma mesa de centro pequena
    • pesquisar na internet se há modelos de centro de mesa de até 40cm de largura
  • caixas de brinquedos
    • medir o tamanho disponível embaixo do rack da televisão
    • 3 caixas organizadores de madeira pinus com rodízio – ver a medida
    • pedir orçamento ao marceneiro
  • quadros e pôsteres
    • escolher modelo de pôsteres
    • escolher tamanho dos pôsteres
    • solicitar impressão dos pôsteres na gráfica
    • comprar molduras para os pôsteres

Pronto, já tenho uma lista mastigada que vai me direcionar o que preciso fazer para ter uma decoração escandinava.

Reparou que nesta lista há dois itens (prateleira e caixa organizadora) para solicitar orçamento para o marceneiro? Aí é que entra o poder do planejamento. Por ter feito esse planejamento, não precisei ir 2 vezes ao marceneiro. Posso solicitar de uma vez só o orçamento e é assim que vou ganhando tempo.

Com a lista pronta, no início da semana (geralmente no domingo), pego os itens mais importantes e decido em qual data irei fazer o quê. Por exemplo: se sábado irei na 25 de março, segunda-feira posso escolher os modelos de pôsteres, na terça-feira posso pesquisar sobre os modelos da mesa de centro. Todas essas decisões são colocadas na agenda do celular e o mais importante, cumpridas. Por isso eu coloco em datas espaçadas, para justamente não atolar a agenda e me sentir sufocada.

Quando eu terminar de executar todas as tarefas, possivelmente a minha sala já estará com a decoração escandinava.

E aí eu volto para a minha lista ‘Um dia, Talvez’ para pegar mais uns 2 ou 3 itens para serem feitos a mesma coisa.

É desta forma que se tira sonhos do papel. São sonhos que se transformam em metas. Metas que se transformam em lista de tarefas. Tarefas que se feitas, transformam em sonho concretizado.

Espero ter ajudado,

~ Yuka ~

Anúncios

46 comentários em “Como criar metas alcançáveis

  1. Yuka, gosto de acompanhar seus post mas não tenho o costume de comentar.
    Sua didática e linguagem fácil nesta dica, é um estímulo há mais, pois sou, ainda, pessoa que também vive apagando incêndios. Obrigada!!! Abraços, Ju.

    Curtir

    • Oi Ju, comente mais! Rs Fazer planejamento é uma coisa que se aprende na prática. Nós, brasileiros, não costumamos fazer planejamento e talvez seja por isso que não conseguimos fazer planos longos. Comece pela listinha que vai dar certo. Beijos.

      Curtir

  2. UAU! Obrigada por atender meu pedido, Yuka! Eu adorei! Eu sempre quis listar metas, mas só as fazia mentalmente. Até pesquisei na internet como fazer isso, mas é uma complicação! Lista de meta para curto prazo. médio prazo, longo prazo, e depois elencar tudo o que é preciso para cumprimento delas. Isso me dava uma preguiça! Preguiça não, acho que sempre achei complicado e embaralhado demais esse método, porém, você cumpriu a meta de facilitar o modo de fazer metas! kkkkkk
    De verdade, seu método está mais fácil de ser seguido! Acho que por ser mais fácil, também é mais provável de ter as metas cumpridas, e é claro, com isso ganhamos tempo e economizamos dinheiro! Parabéns!

    Curtir

    • Oi Silvia, é verdade, metas tradicionais falam de curto, médio e longo prazo… só de pensar desanima mesmo. Mas tente fazer dessa minha forma, com o tempo você vai se acostumando em traçar metas, utilizar agenda, anotar as coisas importantes. Fazer planos é uma coisa que a gente aprende a fazer. Não nascemos sabendo como fazer. Com a prática, a gente vai melhorando com o tempo. A melhor parte de fazer planejamento é justamente ganhar tempo e dinheiro. São duas coisas que não podemos perder né? Rs obrigada por ter sugerido o post. Esse rascunho estava adormecido há bastante tempo. Beijos pra você.

      Curtir

  3. Olá!! Sempre leio seu blog, mas nunca comentei… agora fiquei super animada de começar a listar os meus desejos e organizar minhas metas!! Tenho uma filha pequena e parece que fica tão difícil me organizar e encontrar um tempinho pra mim! Só de ler este post imaginei uma dezena de coisas que quero fazer e nunca coloco em pratica (as vezes ficam esquecidas). Só uma duvida: Você faz estas listas no bloco de notas do celular, mesmo??
    Muito Obrigada por compartilhar sua experiencia!!!

    Curtir

    • Oi Adriane. Anote tudo para não esquecer nada rs. Depois você faz a seleção com calma “será que eu ainda quero fazer isso?”. Em relação a lista-mãe, eu uso o aplicativo Lembretes que já vem no iPhone, que é a imagem que está no post. Se você não usar um iPhone, tenho certeza que há outros aplicativos similares a esse. Quando vou desmembrar um item da lista-mãe, gosto de usar o Notas, também do celular. É como se fosse um bloco de notas. Gosto de ter todas as informações em mãos, por isso tento concentrar tudo colocando no celular. Quando estou na fila do supermercado, ou esperando o metrô chegar, sempre dou uma conferida na lista-mãe e no item que foi desmembrado para lembrar se preciso fazer algo. Por exemplo, você disse que tem uma filha, então vamos imaginar que exista um item na sua lista-mãe chamado “fazer uma viagem bate-volta na praia”. Aí você abre um bloco de notas com o título “1 dia de praia”. E começa a colocar tudo o que você acha que precisa, pode ser na forma de perguntas:
      1.) em qual final de semana dá para ir?
      2.) quem irá comigo?
      3.) quanto custa a passagem de ônibus / ou gasolina do carro e pedágio?
      4.) fazer uma lista de coisas que eu preciso levar: maiô, toalha, coisas para beliscar, chinelo, canga, garrafa de água, roupa limpa, etc etc etc.
      5.) etc etc.
      Conforme eu vou concluindo os itens, eu gosto de apagar a linha da tarefa efetuada, porque assim tenho uma sensação boa de que as tarefas estão diminuindo.
      Sabe a minha lista da decoração escandinava? Só faltam mais 3 itens que estão pendentes na minha lista: esperar chegar as caixas de brinquedos que eu já comprei, as prateleiras para expor os livros infantis da minha filha que também já comprei, e esperar chegar as molduras para os pôsteres. Ou seja, assim que esses 3 produtos chegarem, a minha sala estará linda e maravilhosa!
      O próximo item da lista-mãe que estou de olho é comer macarons de uma loja chamada Laduré. Faz tempo que tenho vontade de experimentar. 😉 Beijos.

      Curtir

  4. Excelente, Yuka!!! É tão gratificante tirar as metas do papel! O processo de “como chegar até a meta” é mais bacana que a meta em si!

    Boa semana!

    Curtir

  5. Oi, Yuka! Adorei o seu método! Eu também tenho o hábito de fazer listas do que desejo fazer um dia, mas separo elas em setores – o que nem sempre é uma boa ideia, já que algumas coisas não se encaixam em nenhuma das minhas listas pré-existentes e aí eu acabo me esquecendo de anotar. Tenho lista de livros, filmes/seriados, lugares que desejo conhecer na minha cidade, etc…mas vou tentar fazer como você sugeriu, de repente funcione pra mim também! Achei ótimo o jeito que você encontrou pra construir esse post, dando exemplos práticos de como a coisa rola na sua vida – acho que assim fica muito mais fácil pra quem lê se identificar e se sentir seduzido a tentar também. Só fiquei curiosa pra saber como ficou a decoração da sua sala! 😉 (e me sinto moralmente obrigada a dizer que você precisaaa experimentar os macarons da ladurée, são deliciosos demais!!)

    Curtir

    • Oi Caroline, eu também no início separava as minhas listas por setores. Só que com o tempo eu fui percebendo que havia listas que eu nunca abria para dar uma olhada, ela ficava esquecida. Daí coloquei todas as listas numa única. Por enquanto tem funcionado bem. Eu vou comer os macarons em breve!!!! Rsrs

      Curtido por 1 pessoa

  6. Pingback: Dicas para que o planejamento de longo prazo dê certo! – Viver sem pressa

  7. Nossa, parabéns. Estou impressionada pela qualidade do seu blogue. Você escreve muito bem, de forma clara e precisa. Obrigada por essa dedicação, você fez e faz muita diferença nas vidas das pessoas, pois traz idéias e soluções para vivermos de forma mais calma e consciente. Você tem talento e qualidade técnica para ter coluna nas melhores revistas, portais e/ou jornais do país, pois seu blogue tem mais qualidade que muitos que existem. Obrigada Yuka!!!

    Curtir

  8. Olá Yuka!!
    Também faço parte do ” time” das tuas leitoras que já há um tempo, mas que nunca comentaram no blog ☺️.
    Adoro tua simplicidade na linguagem ao escrever, tornando acessível a todos o que compartilha. E igualmente adorei este texto é graças a ele inicialmente, acredito que finalmente estou conseguindo ser mais organizada e tirar minhas metas do papel! Adorei a lista “Um dia talvez..”, porém apenas a adaptei e alterei o nome para “QUALQUER DIA DESSES EU…” pois a mim passa a impressão de deixar minhas metas mais próximas de alcançar do que ” talvez um dia rsrsrs. Quero também agora compartilhar com você e seus leitores, uma ferramenta que descobri recentemente e é simplesmente maravilhosa para quem não tem IOS e usa Android como eu: é o App GOOGLE KEEP. Entre tantas utilidades, destaca-se o fato de ele ficar sincronizado a outros serviços do Google como Gmail e agenda, por exemplo. Sem contar que nele dá para criar listas e notas, sejam escritas ou em áudios, além de poder personalizar com uma imagem ou mesmo vídeo. E ao fixa-la, ela aparece minimizada na página inicial do App, junto com outras notas ou listas minimizadas também, a medida que formos criando. E ainda é possível adicionar categorias e incluir uma cor em cada nota criada para destacar. Bom fiquei super empolgada mesmo rsrs e com o Google KEEP e seu posto, tenho certeza de que agora vai!!! 😁.
    Gratidão pelas tuas partilhas e clarooooo, sou mais uma doida de curiosidade para ver sua decoração escandinava 😁😁.
    😘 no coração e um abraço fraterno!!

    Curtir

  9. Ps: e ahhh mais uma coisa sobre o Google KEEP que adorei: você não precisa ter medo quando for formatar ou trocar de aparelho, pois ele salva tudo e ao reinstalar o App ele já mostra todas as nossas listas e notas, salvinhas da Silva 😁😀😎
    A Google ainda vai ter de me pagar pelo “jabá” que estou fazendo a eles rsrs.

    Curtido por 1 pessoa

  10. Parabens pelo blog ele é muito lindo e estimulante.
    Conheça o meu ele se chama criandoumavidasemfrescura.com são dicas de um grupo de pessoas de varias areas que contribuem com textos simples e direto do segmento que trabalham . Ficarei feliz com sua visita! até mais beijinho

    Curtir

  11. Tenho que confessar que ao escrever consigo organizar meus pensamentos e me entender. Inclusive ao escrever essa mensagem reavalie as minhas palavras acredito que isso ajuda em auto conhecimento , não?
    Percebi que almejo a perfeição. E preciso mesmo aprender a lidar com isso, pois me gera ansiedade e estresse.

    Segue mensagem inicial:

    “A partir das suas dicas comecei a colocar as listas no cel. Percebi que as listas vão ficando maiores e quando cumpro uma função ela apenas se torna outra relacionada. Ou seja não diminui, só aumenta. Confesso que me dá aflição. Percebi que quero a lista mínima, com poucos itens (perfeição?). Porém tenho muitas prioridades, talvez seja esse parte do problema e também o fato de não conseguir cumpri-las ou demorar a colocar em prática (preguiça). Continuo firme com as listas, porque organiza e me dá foco no que realmente é importante. Mas, as vezes penso se não seria melhor mantê-las em um caderno ( não ter uma lembrete constante) e depois percebo que dai que não ira colocar em prática”.

    Grande abraço. Seus textos me ajudam muito.

    Curtir

    • Oi Pam, também já senti isso que você está sentindo. Mas o bom da lista é que você não vai cumprir a lista por ordem cronológica, e sim por ordem de prioridade. Ou seja, a gente tem que ter a consciência de que a lista de tarefas nunca vai acabar, porque ao cumprir uma tarefa, surgem outras 10. Eu gosto de pegar algumas tarefas para o dia, assim não me sinto afogada com as tarefas, pois só tenho que executar de 2 a 3 tarefas já pré-programada. Outras tarefas, com o passar do tempo, percebo que perderam sentido, então simplesmente deleto. Um beijo pra você.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: